quinta-feira, 31 de março de 2016

Conhecendo Melhor o Creme Nivea

 A História:

O famoso creme Nivea foi o primeiro creme hidratante do mundo. Desde sempre foi associado à saúde e beleza da pele, principalmente pelo sector feminino da sociedade.
A origem da creme nívea inicia-se com uma descoberta feita pelo químico Isaac Lifschutz, que após décadas de intensa investigação, conseguiu criar o primeiro agente emoliente baseado na cera retirada da lã de ovelha (lanolina) e que permitia que o óleo e a água fossem misturados e permanecessem juntos. Até esta altura os produtos cosméticos eram feitos com base em gorduras vegetais e animais, o que provocava a sua rápida decomposição. Tendo noção que o que havia descoberto teria um enorme potencial a nível da cosmética, Lifschutz deu-lhe o nome de ”Eucerite” (cera da beleza).
Decorria o ano de 1911 o quando o Dr. Oskar Troplowitz, proprietário da farmácia Beiersdorf, situada na cidade de Hamburgo, Alemanha, decidiu juntar-se a Isaac Lifschutz e ao dermatologista Paul Gerson Unna, para os três criarem um creme hidratante com base no agente emoliente que Lifschutz havia inventado.
Após diversas tentativas chegaram à fórmula que consideraram ideal e que consistia em óleos, água, compostos de glicerina, ácido cítrico e essências de rosas e lírios. O resultado foi um creme sedoso e branco.
Foi comercializado no mercado baptizado como Nivea, proveniente do termo latino “niveum ut nivius” que significa “branco como a neve”. A imagem do produto apresentava-se com uma caixa metálica redonda e amarela com motivos florais em estilo art nouveau, lembrando a natureza. A frase publicitária do produto era “To preserve its beauty, its health and the freshness of its youth” (em português, “Para preservar a sua beleza, a sua saúde e a frescura da sua juventude”).


Com a Primeira Guerra Mundial os cosméticos tornaram-se artigos supérfluos e inflacionados tendo havido necessidade, no pós-guerra, de renovar a imagem da marca que passou, a partir de 1924, a ser azul com letras brancas tendo só singrado completamente no ano seguinte. (...)

Curiosidades:

– O tipo de letra da marca foi concebida por Achaz Prinz Reuss e consiste em 12 variações e uma versão para texto.
– A marca Nivea está avaliada em 3.11 biliões de dólares, ocupando a posição 96 no ranking das marcas mais valiosas do mundo.
– Os produtos NIVEA são comercializados em mais de 160 países ao redor do mundo.
– É vendido um produto Nivea algures no planeta, a cada segundo que passa.
– O tradicional creme Nivea é composto em 98% por elementos retirados da natureza.

Para que serve?
  • Prevenção de rugas
  • Prevenção de estrias
  • Alivio do incômodo causado pelo sol
  • Hidratação dos lábios ressecados
  • Diminuição da aparência de cansaço da pele
  • Remoção de maquilhagem
  • Prevenção de assaduras
  • Amolece e hidrata as cutículas
O grande segredo do creme é o componente Eucerit, que é feito de lanolina (tipo uma cera) de origem natural. Junto com a glicerina, temos em mãos um dos hidratantes mais poderosos.



E quem nunca experimentou este maravilhoso creme? Eu não passo sem a nivea e uso-a desde sempre para praticamente tudo, e vocês gostam da nivea ou nem por isso?
Deixem-me a vossa opinião nos comentários, beijinhos.

Ps: Gostam do novo header do blog? Foi a Rafaela Silva do blog Lemao Doce que me fez, passem pelo blog dela http://www.lemaodoce.tk/ e pela página do facebook dela https://www.facebook.com/lemaodoce/ ela é uma querida se quiserem ajuda ela irá ajudar-vos concerteza.





O pesadelo das mulheres: Pele Oleosa

Devido ao nosso clima, a pele oleosa é muito comum em Portugal, em particular se se comparar com outros países da Europa. E isto é um problema? Claro que não. Todos os tipos de pele têm vantagens de desvantagens, mas vejo tantas meninas a "sofrerem" com a oleosidade que penso: quem disse que o melhor é ter a pele 100% seca? 
Sim é preciso esmerares-te nos cuidados, como limpar bem o rosto e usar produtos que controlem o brilho, evitando aqueles que possam tapar os poros ou deixar a pele ainda mais gordurosa: isso é o primeiro passo para que apareçam pontos negros e borbulhas. Mas o que achas de saber que provavelmente terás linhas de expressão e rugas muito mais tarde do que a tua amiga que tem a pele seca?
E não é tudo, controlar a oleosidade não significa ressequir o rosto ao máximo, lavando-o uma infinidade de vezes ao dia, usando tónicos agressivos e esqueceres a etapa Hidratar.
Já ouviste falar no efeito contrário? Significa que se o ponto de equilíbrio da tua pele tende a para o oleoso, quanto mais tentares que fique seca, mais o óleo irá produzir para recuperar esse equilíbrio. Ou seja deves controlar, mas sem exagerar!
Agora um desafio: no momento de te maquilhares, porque não aceitares que um pouco de brilho é bom? Claro que matizar a zona T é sempre uma boa ideia, mas tentar ficar com todo o rosto opaco não é necessariamente a melhor alternativa, aplicar muito pó pode mesmo deixar o teu rosto com uma aparência envelhecida e abatida. Em vez de exagerares na cobertura, incorpora na tua rotina um primer que controla a oleosidade e disfarça os poros. Depois, escolhe uma base oil-free (que pode ter acabamento mate) e finaliza com uma leve camada de pó. 
A pele "sequíssima"  dá lugar a uma pele com uma aparência saudável.


Espero que gostem deste pequeno post sobre peles oleosas, e espero ajudar algumas de vocês que tal como eu também têm pele oleosa (no meu caso de vez em quando).
Deixem a vossa opinião em baixo.

Ps: Gostam do novo header do blog? Foi a Rafaela Silva do blog Lemao Doce que me fez, passem pelo blog dela http://www.lemaodoce.tk/ e pela página do facebook dela https://www.facebook.com/lemaodoce/ ela é uma querida se quiserem ajuda ela irá ajudar-vos concerteza.





Latest Instagrams

© Uma Chávena De Amor. Design by Fearne.